Toda empresa, não importa o tamanho, tem um sistema de controle de acesso. Esse costuma ser o ponto mais crítico da administração, isso ocorre porque a segurança dos seus funcionários, seus ativos, produtos, serviços exigem muito cuidado e responsabilidade, pois são eles que constituem a empresa.

Especialistas dizem que o controle de acesso é a primeira linha de defesa de todos os negócios. Portanto, é muito importante que os empresários e seus gestores entendam a funcionalidade do sistema.

Mas, o que é controle de acesso?

Num termo geral, controle de acesso é um sistema de software e hardware que facilita a segurança da sua empresa. Ele é responsável pelos meios de entrada, circulação e saída de funcionários, clientes, visitantes entre outros.

Para isso, o sistema depende basicamente de autenticação do indivíduo para que ele tenha acesso as dependências ou áreas especificas da empresa. O intuito dessa autenticação é evitar e até bloquear invasores ou visitantes indesejados.

No passado, o sistema de controle de acesso era uma recepcionista e os registros eram feitos e cadernos de anotações, mas com a necessidade crescente e o avanço da tecnologia, o mix de produtos e serviços também aumentou.

E hoje tem disponível no mercado…

  • Cartões Chave ou de Acesso
  • Biometria
  • Senhas e códigos PIN
  • Aplicativos para celular e códigos de barrasControle de Acesso - Castelmar - Servicos

Todos as empresas têm diferentes tipos de necessidades de segurança. Portanto, o scolher um sistema de controle de acesso para suas instalações, é importante considerar o que sua empresa exige, há diversos tipos de  sistemas de controle de acesso disponíveis e qual será a melhor opção para seus negócios?

 

1. Considere políticas, modelos e mecanismos de controle de acesso.

Uma das primeiras coisas a considerar ao procurar um sistema de controle de acesso é que tipo de políticas, modelos e mecanismos de controle de acesso você gostaria de usar.

Esses três componentes de controle de acesso ajudam a designar requisitos de hardware e software para quem pode obter acesso e como e quando o fará. É importante saber exatamente como você deseja estruturar o acesso e existem vários modelos de como isso pode ser feito.

Você pode optar por permitir o acesso com base na classificação dentro de uma organização (Controle de Acesso Baseado em Função, por exemplo). Como alternativa, você também pode basear o acesso em nomes específicos em uma lista (Controle de Acesso Discricionário).

 

2. Conheça o tipo de hardware necessário

A próxima coisa que você precisa considerar é qual hardware de acesso você usará. Como uma pessoa realmente terá acesso e que tipo de bloqueio você usará? Você usará bloqueios, credenciais de login, teclados ou impressões digitais?

Esse hardware é o que permitirá que alguém obtenha acesso e rejeita a entrada de outros. Diferentes tipos de recursos de acesso podem afetar o nível de segurança que você terá e cada um tem diferentes vantagens e desvantagens.

Por exemplo, as impressões digitais oferecerão um nível de segurança muito mais alto do que uma porta básica com apenas um buraco de fechadura.

 

3. Considere o nível de segurança

Como mencionado acima, existem diferentes opções para acessar o hardware, bem como políticas, modelos e mecanismos. Muito do que você decide quando se trata desses recursos dependerá da quantidade de segurança que você deseja.

Isso varia muito, dependendo de suas necessidades individuais. Um grande prédio de escritórios pode ter necessidades de controle de acesso diferentes das de um sistema de portão automático em um condomínio fechado, por exemplo.

Para decidir de que nível de segurança você precisa, leve em consideração vários fatores. Esses fatores podem incluir a localização da sua empresa, o nível de criminalidade na sua área e o horário comercial.

 

4. Confiabilidade e histórico do fabricante

Se você estiver se preparando para instalar um sistema de controle de acesso, deverá considerar o instalador e o fabricante com cuidado. Reserve um tempo para decidir se eles são adequados para o trabalho.

Faça sua pesquisa e descubra quanto tempo o fabricante está no mercado e há quanto tempo desenvolve esses tipos de sistemas.

Você também pode perguntar quais outros tipos de empresas e usuários finais usaram a mesma solução no passado. Eles são semelhantes ao tamanho e ao escopo das suas próprias necessidades de negócios?

Além disso, obtenha referências, se possível, e descubra o máximo possível sobre a confiabilidade dos negócios antes de começar.

 

5. Saiba o que esperar daqui para frente

A implementação de um sistema de controle de acesso é um grande investimento, por isso é importante tratá-lo como um. Você deve saber o que esperar após a instalação do sistema.

Descubra se a empresa oferecerá atualizações no futuro e que tipo de suporte você espera receber. Não deixe de discutir essas coisas antes de escolher um sistema para o seu negócio.

Além disso, tenha um plano para quaisquer alterações pelas quais sua empresa possa passar posteriormente. Se você decidir mudar de sistema no futuro, precisará saber como isso será fácil, quais serão os custos e o que mais esperar.

 

6. Sistemas operacionais e conectividade

Antes de ter um sistema de controle de acesso instalado, é crucial que você descubra todos os requisitos de compatibilidade e conectividade que você possui.

Nem todos os sistemas de controle de acesso funcionam com todos os tipos de sistemas operacionais. Reserve um tempo para descobrir com antecedência se você terá algum problema de compatibilidade.

Alguns sistemas de controle de acesso também oferecem soluções de conectividade baseadas na Web. Se a conectividade da Web for importante para você e sua empresa, discuta isso com antecedência.

 

7. Mapeie quais portas você deseja

Você também deve pensar muito sobre quais portas precisarão de controle de acesso. Nem todas as portas ou portões precisarão do mesmo nível de segurança.

Um controle de segurança excessivo pode levar à desaceleração dos negócios, pois cada vez que alguém entra por uma porta, eles precisam de um momento para verificar suas credenciais e obter acesso. É bom encontrar o equilíbrio certo que permita a segurança de suas instalações e, ao mesmo tempo, garantir que seus negócios não sejam desnecessariamente interrompidos.

 

Considerações finais

Atualmente, o mercado oferece muitos sistemas e soluções de controle de acesso. No entanto, vale lembrar que nem todos os sistemas funcionarão perfeitamente dentro do seu negócio. Seja o número de funcionários no escritório ou o layout da empresa, sempre haverá um recurso exclusivo que destacará os benefícios de um sistema. No final, suas necessidades e modelos de negócios indicarão qual sistema ou solução você deverá utilizar.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.